top of page
  • Foto do escritor@paespelomundo

Inverno exige mudanças nos hábitos alimentares

A estação mais fria do ano chegou. É neste período que muitas pessoas acabam mudando seus hábitos, em especial na alimentação. As temperaturas mais baixas acabam sendo convidativas para uma comida mais quente e mais calórica, como massas, molhos, queijos, caldos, sopas, fondues, frituras, salgados e carnes em geral. Além de bebidas como vinhos, licores, capuccino e chocolate quente. De uma forma geral, é comum o aumento do consumo destes tipos de alimentos durante o inverno.

 


sopa de macarrão com carne e ovo cozido
acervo wix @paespelomundo

         Segundo a nutricionista e conselheira do Conselho Regional de Nutricionistas do Paraná (CRN-8) Ana Garcia, nesse período é normal as pessoas sentirem vontade de alimentos quentes e reconfortantes.


“Não há quem resista a um bom buffet de sopas e caldos. Eles ajudam a aquecer o corpo e podem ser preparados com uma variedade de vegetais e proteínas, proporcionando uma refeição nutritiva e saudável”.

O ideal, segundo ela, é adotar um padrão alimentar equilibrado composto por todos os grupos de alimentos, variando as opções para evitar a monotonia alimentar e, por consequência, as deficiências nutricionais.

 


sopa de abobora com creme branco em detalhe.
acrevo wix @paespelomundo

        Mesmo com um cardápio diferenciado, não se pode esquecer que é preciso manter o hábito saudável na alimentação, e usar a criatividade na cozinha.


“Podemos optar por cremes de mandioquinha, abóbora, um mix de legumes e incluir uma proteína animal ou vegetal. As opções são inúmeras. Usar a criatividade na cozinha, escolher alimentos sazonais e variar ao máximo as receitas ajudam a evitar uma alimentação monótona e a garantir uma dieta equilibrada e nutritiva”, ressalta a conselheira.

 

         Ela destaca também que neste período é necessário consumir alimentos ricos em vitamina C, como frutas cítricas e verduras de folhas escuras, que poderão fortalecer nosso sistema imunológico. Além disso, é comum as pessoas beberem menos água durante o frio. “Uma dica valiosa é manter sempre uma garrafinha de água por perto, garantindo uma hidratação constante ao longo do dia. Além disso, incluir chás e infusões na rotina diária pode ser uma excelente maneira de aumentar a ingestão de líquidos, aproveitando os diversos benefícios para a saúde que essas bebidas oferecem”, salienta Ana.

Commentaires


bottom of page