Portugal: 6 programas gastronômicos imperdíveis em Lisboa

Atualizado: Mar 14



Portugal é muito mais que o país da moda. Ganhador de vários prêmios do turismo mundial, o país esta cada vez mais interessante e animado, ideal para todo tipo de viagem.




1 - Provar "A Francesinha"


Prato típico do norte de Portugal, a "francesinha" é uma espécie de sanduíche no prato, servido com molho de tomate levemente apimentado. Acompanha fritas. Parece uma bomba calórica? Mas não se preocupe, em todos os lugares que provei a "francesinha" vi casais ou amigos dividindo o prato. Geralmente é bem grande!


Em Lisboa, muitos restaurantes servem a "francesinha", indico dois em especial: o Restaurante Marco que fica próximo ao Mercado da Ribeira (uns 500m) e a "francesinha" do Restaurante Mercado Portuguese food, que fica na Rua da Misericórdia;



O restaurante Marco parece uma grande lanchonete e é mais frequentada por locais que turistas.



Já o Mercado Simply Portuguese fica no meio da região mais turística da cidade, entre o Chiado, Bairro Alto e Princípe Real. O restaurante é moderno, o atendimento é incrível e a francesinha foi uma das melhores que provei em Portugal. Vale a pena!







2 - "O prato do dia" do box da chef Marlene Vieira no Mercado da Ribeira;


O mercado da Ribeira é uma excelente opção para conhecer o melhor da gastronomia portuguesa de uma forma descomplicada e com um precinho melhor ainda. Semelhante ao Mercado de São Paulo, ou o Mercado de São Miguel em Madri, o Mercado da Ribeira (Time Out Market Lisboa) reúne chefs conhecidos, bares, docerias e muito mais. De tudo um pouco!


minha dica é o menu do dia do box da Chef Marlene Vieira. Principalmente para quem está em dúvida no que escolher, entre tantas opções, a Chef Marlene resolve o problema ao sugerir um prato delicioso, sobremesa e ainda uma taça de vinho, tudo por um precinho de estudante! Há outras excelente opções com chefs como Miguel Lafan (o mesmo do hotel Land Vineyards com uma estrela Michelin).


É uma ótima programação para agradar a todos numa viagem em grupo!


Dica: visite também os chefs renomados na galeria a esquerda. É um corredor com boxes um em frente ao outro e um ótimo local para estar com amigos.





O Mercado da Ribeira fica aberto até as 23 h. Se você estiver no Chiado vá a pé pela Rua da Misericórdia em direção ao Cais do Sodré.






3 - Pastel de Nata


A sobremesa mais conhecida de Portugal não poderia ficar fora dessa lista. O pastel de Nata (o de Belém só pode ser chamado assim o da padaria Belém que o patentiou), pode ser encontra por todos os lados no país inteiro.


Se você vai a primeira vez a Lisboa, vale a pena conhecer a loja da Fábrica de Nata da praça dos restauradores (centro, próximo a Rua Augusta). A Loja é pequena, mas tem uma esteira que leva os pasteis de natal pelo teto, opções de sanduíches, cafés e até carta de vinhos. A dica é para aquele cafezinho descompromissado no início ou final do dia, ou quem sabe uma taça de vinho com um pastel de natal ou bolinho de bacalhau.


Em Lisboa há também a Manteigaria que só serve pastel de Nata. São fabulosos!! Tem loja da Mantegaria no Mercado da Ribeira, na Praça Camões no Chiado e muitas outras.





4 - Tomar um drink na calçada da "A Cevicheria" no bairro do Príncipe Real


Qualquer guia gastronômico da cidade vai falar bem de "A Cevicheria", projeto do Chef Kiko Martins. Ele que percorreu o mundo entre 2010 e 2011, e de volta a Portugal lançou o livro "Comer o Mundo", fundou o restaurante de carnes "O Talho" e ainda "O Asiático".

A Cevicheria nasce da vontade de trazer o tradicional prato peruano – o ceviche – às mesas portuguesas preparando o tradicional prato peruano com ingredientes como, por exemplo, o bacalhau.



A Dica é: além do badalado restaurante na principal rua do bairro do Princípe Real (Dom Pedro - próximo ao miradouro de São Pedro de Alcântara), vale a pena tomar uma taça de vinho na calçada (eles mantem o bar aberto para a calçada) enquanto aguarda sua mesa, ou ficar por ali mesmo. Imperdível!





5 - Café da Manhã numa esplanada


Nada mais português que aproveitar as praças para abrir o jornal enquanto toma aquele cafezinho. Tudo bem, pode abrir o tablet, o celular, o intagram (@thiagopaes.br)!! mas o cafezinho é o mesmo. As esplanadas são uns quiosques muito comuns na Av. Liberdade, mas minha dica é o quiosque da praça do Jardim Príncipe Real. (foto abaixo).


Local charmoso, tranquilo, menu de sanduíches quentes e frios para o café da manhã, sucos e cafés. (tem pastel de nata!)

obs: não aceita cartão!




6 - Uma cerveja no Por do Sol do Quiosque Ribeira das Naus


não precisa falar muita coisa sobre este lugar, olha que por do sol lindo!! Fica próximo a praça do Comércio (à direita) em direção ao Cais do Sodré.


O Quiosque serve cafés, cervejas, lanches. As vezes que estive lá tinha um Dj com música eletrônica (lounge). Leve máquina fotográfica ! imperdível.




0 visualização