top of page
  • Foto do escritor@paespelomundo

O LADO SOFT DE FLORIANÓPOLIS: FOMOS CONHECER O LK DESING E OSLI RESTAURANTE

Localizado numa das esquinas mais charmosas da cidade, na beira mar norte, o LK Desing Hotel vem para consagrar Florianópolis como um dos destinos mais interessantes e sofisticados do Brasil. Inaugurado em dezembro de 2020, o hotel conta com 170 apartamentos e 6 espacos para eventos, em 16 andares com ambientes que levam a assinatura de arquitetos como Roberto Migotto, Blasi Bahia, Taty Iriei, Daniel Nunes...



E como serviço é um diferencial importantíssimo no segmento, a gerência geral do empreendimento com mais de 13mil m2, ficou a cargo de Miler Bairros, com passagem por grandes redes hoteleiras e cada vez mais dedicado ao turismo de experiências para clientes exigentes, colecionando prêmios inclusive nos restaurantes dos hotéis pelos que passou.


Estamos falando de um serviço impecável que se estende aos detalhes na decoração dos quartos, o design que permeia objetos pontualmente harmonizados no lobby e corredores, além de um incrível rooftop com bar e lareira externa.


Osli Restaurante, LK Desing Hotel

E não dá para falar em LK Desing sem reverenciar a cozinha do Osli Restaurante. Uma extensão do design do hotel que preza pelo minimalismo na combinação de linhas puras, geometria icônica, que traz memórias de Bahaus ao unir arte, artesanato e tecnologia, em seu estilo internacional, marcado pela mínimo de ornamentação e pela harmonia entre a função do ambiente e seu design.


O hotel proporciona uma experiência tão harmônica que até mesmo na culinária criativa do Chef Felipe Silva é capaz de identificarmos todas essas influências.



De tapioca suflada recheada com truta defumada (nossa! nem lembre! Isso é muito bom!) a petit gateau de butiá com sorvete de cachaça, passando por clássicos reinventados e trazidos para a expertise do chef: a culinária saborosa e saudável.


Primeiro, cabe esclarecer que tenho certo preconceito quando vejo no cardápio como opção de sobremesa “petit gateau”. Esse “pequeno bolinho” criação espontânea do chef francês Jean Georges Vongerichten ganhou o mundo dos mais sofisticados restaurantes aos mais populares, sempre como uma imitação da clássica sobremesa que une bolo de chocolate e sorvete de creme. Ao incluir um clássico no cardápio, muitos chefs deixam de valorizar ingredientes regionais para ser fiel a receita. Um pecado!


petit gateau por Jean-Georges Vongerichten
petit gateau por Jean-Georges Vongerichten

Inclusive quem deseja provar o petit gateau original, o chef Jean Georges serve ele aqui mesmo no Brasil, no restaurante que leva seu nome, no lobby do hotel Palácio Tangará, em São Paulo.


E para minha surpresa, a sugestão de sobremesa do próprio chef Felipe foi o petit gateau de butiá. E para mim, de patinho feio, a minha melhor experiência de pâtisserie dos últimos anos. De emocionar...



Sim, o chef Felipe Silva escolheu uma semente de palmeira típica aqui da América do Sul (principalmente da região dos campos do sul formados pelos pampas gaúchos, que se estende pela Argentina e Uruguai) para – não só dar sabor a essa clássica sobremesa; mas sim, contar histórias a partir desse simples ingrediente, conhecido por temperar cachaças artesanais e que já possui espécie em extinção aqui no Brasil.


Mas não é só comida?


Não, é uma experiência que permeia profundas memórias afetivas, que passeia por um bairro qualquer do interior, com aqueles meninos sentados na calçada chupando frutas maduras que acabaram de colher no pé do vizinho.


E de repente aquele menino está alí sentado pensando em Bahaus, ouvindo Caetano, elogiando a cerâmica perfeitamente pensada para aqueles pratos: polvo com legumes, barriga de porco com barbecue de araçá, bananas, frutas, legumes, histórias, tantas histórias e risadas saíram daquela mesa, naquela tarde que virou noite, porque voltamos pra contar e descobrir novas histórias, de olho na técnica, prestando atenção, mas também envolvido nessas memórias.


Impecável, Felipe, Osli. Bravo, LK!








 

Thiago Paes, é advogado, empresário do turismo, e porque não dizer: blogueiro de viagens. Conhece 35 países e continua viajando para conhecer menus incríveis. No Youtube e no canal Travel Box Brasil apresenta o programa PaesPeloMundo sobre viagens e gastronomia.


contato@paespelomundo.com.br


Commentaires


bottom of page