Como é viajar de trem na Índia

Atualizado: há 2 dias



Uma aventura inesquecível! Viajamos de trem entre as cidades de Pondicherry e Madurai no sul da Índia.


Estamos em Madurai, que é a segunda maior cidade do estado de Tamil Nadu, no sul da Índia, nas margens do rio Vaigai.


Nossa viagem começou na cidade de em Chennai com o grupo da Govinda Turismo. De lá fomos para a montanha de Arunachala peregrinar numa data muito especial. Depois seguimos para a cidade litorânea de Pondicherry. E a viagem de trem fizemos entre a estação de Pondicherry (há 40km da praia da cidade) e Madurai.


A compra dos bilhetes, horários, classe tudo foi organizado pela Govinda Turismo com meses de antecedência. E essa decisão foi muito importante. Primeiro porque o trem estava lotado e provavelmente deve ser difícil encontrar vaga em cima da hora. Segundo porque é uma loucura entender as classes do trem na Índia.




Por exemplo, a primeira classe é menos confortável que a segunda, onde nós ficamos.


Éramos em torno de 16 pessoas e todos fomos acomodados no mesmo vagão, felizmente! O trem de uma maneira geral é extremamente simples, mas me surpreendeu positivamente. Dá pra cochilar, carregar o celular, bater papo, ouvir música e encarar a viagem numa boa.




Fizemos o trajeto de dia. A viagem durou cerca de 4 horas e logo fomos acostumando com o visual na janela, as pessoas entrando e saindo nas cidades vizinhas. Em nenhum momento nos sentimos inseguros, alias, essa sensação de segurança foi constante por onde passamos aqui na Índia. Um ventilador, 4 camas e cortinas completavam nossa cabine. As malas são acomodadas embaixo dessas camas, cabe facilmente mais de uma mala, mesmo das grandes.


O vagão se divide em dois lados: de um lado cabines com 4 camas e do outro cabines com uma cama. Achei a cabine com 4 camas bem mais confortável.


Viemos conversando, comendo e registrando tudo para contarmos aqui e no Instagram @paespelomundo



E por falar em comida, se você não está acostumado com a alimentação aqui na Índia, não é aconselhável comer a comida que vende no trem. Muitas histórias de pessoas que passaram mal, que tiveram indisposição intestinal, etc. Isso é um problema para estrangeiros por aqui, por isso melhor prestar atenção. Dá para comprar água mineral tranquilo, mas não é gelada.


O tempo para subir e descer do trem são de 5 minutos. É suficiente para embarcar e desembarcar tranquilo, mas seja breve pois a mala pode atrapalhar um pouco e nas principais cidades o movimento para descer é maior.



Chegando na cidade, vários carregadores ajudam a levar as malas até o lado de fora da estação. Aqui em Madurai foi necessário um carrinho pois tínhamos que atravessar a linha do trem e ainda subir uma escada.







Tags

#viagemparaindia #viajarparaindia #india

50 visualizações

Thiago Paes

Sou um apaixonado por conhecimento. Fiz faculdades, MBAs, escrevi sobre minhas reflexões e publiquei um livro. Procuro sempre levar um pouco desse conhecimento em tudo que faço, comunico.  Descobri desde cedo que viajar era a melhor forma de concretizar esses meus anseios, a melhor forma de aprender e inspirar meu senso criativo. Viajo para descobrir novas ideias, aprender algo, para no outro descobrir um pouco mais de mim mesmo. 

contato@paespelomundo.com.br

  • Facebook
  • Pinterest
  • Instagram